Qual é o melhor jeans para você?

Qual é o melhor jeans para você?

Uma peça favorita por todos no dia a dia, saiba usar o corte específico para valorizar o seu corpo.

Segue abaixo os principais modelos de calças jeans que encontramos no mercado:

Jeans Reto
De cima a baixo, a perna tem a mesma extensão. O gancho fica no lugar. Aposte no modelo em ambientes formais, como no trabalho. Mas, atenção à lavagem, ela deve ser sóbria.

 

Jeans Reto – Imagem Reprodução

 

Jeans Cenoura
Na parte superior, sua modelagem é mais folgada – gancho baixo e cintura fora do lugar -, porém a perna é afunilada. O modelo é indicado para momentos casuais, como um barzinho.

 

Jeans Cenoura – Imagem Reprodução

 

Jeans Slim Fit
Não possui elastano, por isso não cola no corpo. Mas seu corte é seco e bem próximo ao corpo. Indicada para o dia a dia pelo seu conforto.

 

Jeans Slim Fit – Imagem Reprodução

 

Jeans Biker
Modelo com recortes no joelho, todo mais justo ao corpo. Foi criado pela Balmain e virou febre entre a turma da moda. Funciona como a skinny.

 

Jeans Biker – Imagem Reprodução

 

Jeans Skinny
Ela é bem justa do começo ao fim. O elastano misturado ao jeans ajuda no caimento e no conforto. Muito popular entre os hipsters e rockers. Ideal para a balada.

 

Jeans Skinny – Imagem Reprodução

 

Jeans Oversized
Direto dos anos 90, tem a cintura deslocada, as pernas amplas e o gancho baixo. Use-as nos momentos de relax.

 

Jeans Oversized – Imagem Reprodução

 

Jeans Bootcut
Após o joelho, a perna ganha maior proporção, detalhe que favorece o caimento da barra sobre as botas (por isso o nome). Para um look descontraído, invista neste tipo.

 

Jeans Bootcut – Imagem Reprodução

Antes da decisão de comprar um jeans, fique de olho no seu biotipo:

Triângulo (ombros estreitos e quadris largos): Invista em um modelo reto. Além da calça não acrescentar volume nos quadris, o corte proporcional da perna harmoniza a silhueta. Evite a bootcut e a skynny.

Triângulo invertido (ombros largos e quadris estreitos): Amplie a parte de baixo do corpo. As modelagens com volume, como a cenoura, a reta e a oversized, são as mais indicadas. Deixe a skinny e a biker de lado.

Oval (linhas curvas): Aqui a regra é tentar afinar a parte de cima. Na de baixo, vá de corte reto e aposente tudo que dê volume, como a oversized e bootcut.

Pernas grossas: Ao contrário do que se pensa, secar o volume na perna só irá salientar o problema. Neste caso, vá de reta e abandone o oversized.

Retângulo e trapézio (ombros, cintura e quadris alinhados): Se o seu peso estiver em ordem, você é o tipo de homem que pode abusar de todos os modelos, principalmente da skinny e da slim fit.

Parece bobagem, mas um certo cuidado com as barras do jeans, pode mudar completamente o seu visual. Existem dois tipos de barra: A clássica e a dobrada.

A Clássica deve ser acertada em um alfaiate. A medida indicada é a que cai um pouco sobre o sapato. A Dobrada adiciona casualidade à sua produção, mas vale ficar de olho em seu comprimento, que pode variar.

Para os mais modernos, podem arriscar por volta de três dobras, deixando a calça um pouco acima do tornozelo. Para os mais discretos, a barra deve terminar na altura do cano do calçado. Os baixinhos devem tomar cuidado com o tipo de barra escolhida, pois ele achata s silhueta ainda mais.

Não adianta investir em uma peça bacana se você não cuidar direito dela após usá-la. Siga estas dicas:

  • Lave as peças do avesso para preservar a cor por mais tempo;
  • Não lave o jeans toda vez que usá-lo. De 15 em 15 dias é mais que o suficiente, se ele não tiver sujeira aparente;
  • Quanto mais escura a peça, menos você deve lavá-la para evitar seu desbotamento;
  • Na primeira vez, coloque-as separadamente na máquina de lavar para que elas não manchem o restante da roupa suja.

Atenção: Segue umas dicas sobre a Etiqueta:

  • Calças muito justas podem causar uma impressão ruim ao visual;
  • Modelos justos, como a skinny, são indicados apenas para quem tem um corpo longilíneo;
  • O elastano adiciona conforto e um melhor caimento, principalmente às peças de modelagem justa. Use-o com camisetas mais compridas;
  • Tecidos manchados, desgastados ou até mesmo rasgados não funcionam para trabalhar.

Até breve!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *